Geral

Fatos e retratos paroquianos do dia

FIM DAS AMARELAS?

Comumente chamadas de amarelas, as patrolas, cuja denominação correta e motoniveladora, constituem-se a esperança de muita gente nos bairros e interior diante de condições de vias em estado precário. Mas a imagem acima lá no bairro Santa Rita pode ser indicativo de que as amarelas podem estar com os dias contados. Elas agora aparecem assim, vermelhas!

Se bem que no bairro São Francisco elas continuam com a mesma cor, embora um pouco desbotadas, mas assim, acelerando para dar fim aos tempos de lama e poeira em vias como a Haeckel de Tavares

SERÁ QUE É A PREFEITURA

QUE DEVERIA FAZER ISSO?

Postagem no perfil do vereador Jair Júnior dá nos dedos do Paço porque morador teria pago para cortar o mato na lateral da rua, no bairro Conte. Mas até onde se sabe a frente dos terrenos (ou laterais) é atribuição e tarefa dos proprietários. A prefeitura poderia (e pode) melhorar a rua que aparece no retrato. Mas a roçada é atribuição do dono. É isso?

*

UM DOS ITENS EM PROMOÇÃO

NO EMPÓRIO DAS CARNES

Da carne moída aos cortes nobres de bovinos de raças britânicas criados a pasto na Coxilha Rica. Da carne suína à ovina. Abate dentro dos padrões sanitários em frigorífico credenciado. Preço justo e bom atendimento. Tudo num só lugar na Avenida Carahá em Lages!

Compartilhe

1 comentário para: “Fatos e retratos paroquianos do dia”

  1. Onde está o cortador de grama, na foto, poderia ser considerado como “passeio público”, ou calçada, se houvesse. E a manutenção do passeio público é de responsabilidade do proprietário do imóvel. Assim, cabe ao dono fazer isso. Inclusive, salvo engano, no Código de Posturas há previsão de multa ao proprietário que não manter o passeio em boas condições. Ou seja, o Município não só não tem obrigação nenhuma de cortar esse mato como ainda pode punir o proprietário que não o fizer.

Deixe uma resposta para Vilmar Tadeu Cordova Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *