Geral

Fiesc acena investimentos na Serra

O PRÓPRIO PRESIDENTE DA ENTIDADE CONFERIU IN LOCO A REALIDADE ESTRUTURAL DE SESI, SENAI E ESCOLAS S EM LAGES E OTACÍLIO COSTA PARA PROMOVER INVESTIMENTOS ATÉ 2025

Eventuais cortes de recursos no chamado Sistema S é um fantasma que ronda os gestores dessas estruturas. E isso não é novidade. Mas também não é razão para se recolher enquanto há demandas por executar forcando inovações e ampliações de serviços a serem ofertados, ampliados e melhorados.

Nesse sentido, o presidente da Fiesc, Mario Cezar de Aguiar, subiu a Serra nestes dias iniciais de junho. Esteve em Lages e Otacílio Costa conferindo as estruturas mantidas pela entidade para atendimento de colaboradores ligados à indústria e a necessidade de investimentos.

QUALIFICAR DESDE CEDO

O presidente da Fiesc fez essa peregrinação por todo o Estado. Ele percorreu todas as regiões até chegar na Serra Catarinense. Dentre os projetos pretendidos, está a ampliação do Sesi, para aumentar a capacidade de atendimento às crianças e adolescentes. “Estamos buscando estruturas às unidades para fornecer qualificação desde cedo. Temos carência em todo o Estado, de profissionais capacitados e que atendam as demandas do mercado”, afirma Mario Aguiar.

Mario Aguiar, no chão da fábrica, conferindo in loco realidades e demandas da indústria na Serra Catarinense juntamente com Fabrizio Machado

INVESTIMENTOS ATÉ A METADE DA DÉCADA

As melhorias estruturais devem seguir também para as outras unidades da Escola S e do Senai. “A partir desse momento, vamos encaminhar as análises para o setor de engenharia. Precisamos analisar de forma cautelosa os passos que serão dados”. Acompanhado do diretor de educação e tecnologia do Senai, Fabrizio Machado, as visitas integram um plano de investimento entre 2021 e 2025. “Precisamos fazer um diagnóstico das necessidades em cada local, para qualificar cada vez mais as estruturas e promover uma maior competitividade entre as indústrias através dos nossos projetos”, cita Fabrizio

Empresários Fabiano Ventura (Sinduscon) e Israel Marcon (vice regional da Fiesc na Serra) na conversa com Aguiar durante a visita em Lages

Conteúdo com colaboração de Luan Turcati

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *