Geral

Lages chega à media de 22 casos por dia

EM 12 DIAS FORAM 261 CASOS DA COVID-19

Houve de fato uma disparada no número de casos da Covid-19 em Lages. Isso fora aquela ideia inicial de testes rápidos que acabou sendo abortada. No dia 04 de julho, sábado, a cidade totalizava expressivos 333 casos. Passaram-se 12 dias desde aquela contabilização e na madrugada desta sexta-feira os números bateram em 594 casos. Foram 261 casos em 12 dias, numa média de praticamente 22 diagnósticos da doença por dia.

O boletim dos dados contabilizados até a quinta-feira, dia 16, indicam 594 casos diagnosticados. Há 329 recuperados e uma quantidade significativa em isolamento domiciliar

 

PROSA ANTES DAS MEDIDAS

RESTRITIVAS DE HORÁRIOS

NO COMÉRCIO

Antes de adotar as medidas, principalmente restringindo horários de funcionamento de estabelecimentos diversos, prefeito Ceron havia dialogado com dirigentes de setores como supermercadista, além dos presidentes da CDL (Marcos Tortelli) e Acil (Carlos Eduardo de Liz). Tanto que as entidades emitiram nota conjunta em apoio às medidas adotadas.

OS ATACADÕES FECHAM OU NÃO?

Responsáveis pela fiscalização da aplicação das normas restritivas prevista no decreto assinado pelo prefeito Ceron estarão de prontidão no domingo à tarde. Vão fiscalizar se empresas como Fort Atacadista, Stock Center, Big e Maxxi vão fechar as portas às 14 horas conforme a determinação legal.

E…

Se houver descumprimento da determinação, os gestores dessas estruturas serão chamados para efetuar o fechamento das portas (atendendo a clientela que já estive dentro). Contra eles serão abertos termos circunstanciados por desobedecer norma para evitar transmissão de doença contagiosa.

Será que algum desses atacadões pensará mais em lucro que ajudar nas medidas para proteger a vida de seus clientes?

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *