Geral

Lages chegaria a mais de 600 casos?

COVID-19: TESTES RÁPIDOS LEVARIAM A ESSE NÚMERO?

São duas as indagações acima. Porém, em termos matemático daria para colocar como afirmativas tais ponderações. Ocorre que Lages iniciou no dia 1.º de junho com previsão de concluir em cinco semanas – sexta-feira da semana passada, dia 03 – a estratégia de aplicação de testes rápidos em grupos para diagnosticar, isolar e evitar proliferação da Covid-19.

ACOMPANHE OS NÚMEROS

No primeiro dia (01.06) daqueles 59 testes aplicados, houve 14 diagnósticos positivos para a doença. E nos dias seguintes, até a sexta-feira, 05 de junho, houve uma sequência de resultados positivos, elevando os números de Lages numa velocidade bem significativa. Veio o contraditório com alguns exames positivados nos testes rápidos realizados em laboratório particular, com resultado divergente. E parou tudo.

ASSIM

Tivessem os testes rápidos continuados, na estratégia traçada pela Secretaria de Saúde, considerando aquela média do começo do trabalho, ao invés de atuais 333 casos, estaríamos chegando a pelo menos o dobro desse número.

Esses são os últimos dados atualizados no sábado, dia 04, com o total de 333 casos positivos. Parte desse número decorre de pessoas diagnosticadas quando de testes rápidos da primeira semana de junho

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *