Geral

Mais uma travessia férrea em Lages

DEPUTADO QUER ALTERNATIVA PARA MOBILIDADE, VIA BAIRRO FERROVIA

Assunto esteve na pauta da campanha eleitoral do ano passado. Atualmente Lages tem travessia férrea nos bairros Pisani, Guarujá, BR-282, Penha e Várzea. Análise indica que a implantação de uma travessia na altura do bairro Ferrovia (entre o bairro São Miguel e Avenida Castelo Branco), desafogaria o tráfego pela Avenida Presidente Vargas (viaduto da Penha).

NESSE SENTIDO

Deputado Marcius Machado chamou entes para apresentar a ideia, sugerindo que a área de Planejamento da Prefeitura de Lages construa um projeto. Os recursos ele buscaria através de emenda impositiva.

Numa evidência de que o assunto não está apenas no ‘vamos ver’, o parlamentar chamou Giana Custódio e Marcelo Arthur Fledler que atuam na empresa Rumo (concessionária da linha férrea),  tenente-coronel Anderson Soares do Carmo, comandante do 1.º Batalhão Ferroviário e o secretário João Alberto (Obras e Planejamento) para colocar que se dê outros passos no assunto

A ideia é uma travessia pela via férrea mais ou menos onde está a seta em vermelho e, com isso, o trânsito (ou parte dele), fluiria por ali, acessando a Avenida Castelo Branco, passando na frente da Uniplac em direção ao Centro e outras partes de Lages.

É possível. É viável. É necessário!

Compartilhe

1 comentário para: “Mais uma travessia férrea em Lages”

  1. É uma alteração interessante. Mas já vejo ali adiante um problema: Todo esse trânsito que tem por objetivo chegar ao centro entrará naquele funil na frente do SESC na Av. Dom Pedro II. A subida ali para o centro ficou ótima, o trânsito flui, mas não sei se irá aguentar. Teria que ser feita uma análise, e nessa análise verificar se não seria melhor retornar a Frei Gabriel em mão dupla!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *