Geral

Moisés no encantamento até ao PSD

GOVERNADOR SEGUE NA MIRA DE SIGLAS INTERESSADAS EM TÊ-LO COMO CANDIDATO À REELEIÇÃO. NO CONTEXTO APARECE ATÉ UM PSD NA PROSA COM MOISÉS

De Darci de Matos a Ricardo Guidi (ambos federais pelo PSD), passando pelos estaduais Milton Hobus, Marlene Fendler, Júlio Garcia e Ismael dos Santos. Some-se às bancadas Estadual e Federal ainda os prefeitos eleitos pelo PSD ano passado (apenas 2 dos 41 não apareceram). Significa, portanto, que aqueles com mandato do partido exercitaram o Fale Que Eu Te Escuto com o governador Moisés na agenda da semana que passou.

SIGNIFICADO DISSO

Para alguns a presença em massa dos pessedistas com Moisés é um sinal de respeito (porque ficaria chato receber convite do governador e não aparecer para a prosa). Para outros, é sinal que o PSD quer estar com Moisés. E mais que isso: Quer-se que Moisés esteja com o PSD, filiando-se para o projeto de reeleição de 2022.

EMBORA…

A turma do ‘não é nada disso’ garante que a sigla tem pré a governador (Colombo), além de outros bons nomes no ‘mercado’ para a disputa. E que essas conversas se constituem mera formalidade. Outra fonte, ao nível do mar, arrisca a hipótese de Moisés não se filiar no PSD, mas a sigla indicar um vice (ou uma vice) a ele. Moisés está a 7 meses e uma semana de se filiar no partido que escolher para o projeto de reeleição.

Deputado Ricardo Guidi do PSD (centro) na agenda do Sul do Estado quinta e sexta-feira, num alinhamento republicado com o governador Moisés

De postura bem transparente na vida política e dentro do PSD, presidente da sigla, Milton Hobus foi ouvir Moisés no encontro da sigla com o governador

ENQUANTO ISSO…

DAS PROSAS FICTÍCIAS

– Você que é da terra do Colombo, Lucax, o que me diz desse diálogo com o PSD?

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *