Geral

Moradias: O ‘show do milhão’ de Moisés

MUNICÍPIOS ESTÃO RECEBENDO R$ 1 MILHÃO PARA CONSTRUIR INICIALMENTE 15 CASAS CADA. A REGIÃO MAIS BENEFICIADA É DA SERRA CATARINENSE COM 15 DOS 18 MUNICÍPIOS ATENDIDOS

Discursando que há 11 anos o Estado não investe em moradias sem custos ao beneficiado (ou seja, no governo Colombo não se aplicou em habitação a custo zero à população), o governador Moisés lançou o braço habitacional do programa Gente Catarina. Trata-se de uma política pública do Estado que foca investimentos em municípios com menores IDH – Índice de Desenvolvimento Humano. E nesse quesito, registre-se, nenhum governo anterior havia focado algo tão prático.

SISTEMÁTICA DAS AÇÕES

São 61 municípios catarinenses com menores índices de IDH. Aqui na Amures são 15 dos 18 que integram a entidade. Tem ainda Abdon Batista e Vargem. Todos abrangidos com a liberação de recursos na ordem de pouco mais de R$ 1 milhão para a construção inicial de 15 moradias em cada município. O foco são famílias que vivem em condições precárias de moradia. São casas de aproximadamente R$ 70 mil com pouco mais de 50 metros quadrados.

No lançamento do programa lá estavam os integrantes da equipe de governo, prefeitos e vices dos municípios abrangidos pelo programa SC Mais Moradias

Aqui a comitiva da Serra Catarinense com o governador Moisés e representantes de cada município: Prefeito Evandro Frigo (esquerda) de Urupema (com Lucas Neves e Juliano Chiodelli), prefeito Marquinhos (Painel), Giovani Nunes (São Joaquim) e Mariza Costa (Urubici) – ambos com o governador entre eles. Atrás deles João Cidinei (Anita) e Leonardo Heinzen (Cerrito), Fernanda Córdova e seu vice Sandro Masselai (Palmeira), Pedro Ostetto (Bom Jardim), e à direita os prefeitos Dirceu da Silva, Albino Padilha e Erlon Tancredto (Cerrito, Bom Retiro e Rio Rufino, respectivamente).

AINDA NA REGIÃO

Prefeita Milena Lopes (Vargem) estava presente, assim como Tito Freitas (Capão Alto). Bocaina do Sul, Campo Belo do Sul, Ponte Alta e Abdon Batista também integram a lista daqueles municípios que terão os recursos para investimentos na área de habitação.

Aqui Ademilson Conrado, cujo município de Cerro Negro foi um dos primeiros avaliados para acesso aos recursos do SC Mais Moradias

Lucas Neves, Assessor de Governo, destaca o esforço para que o município de Painel tenha sido contemplado no programa de moradias. No registro o prefeito Marquinhos com Lucas e o governador Moisés

Prefeito Tito Freitas de Capão Alto (numa foto rara dele sem chapéu à direita) com Ademilson Conrado de Cerro Negro e Lucas Neves no saguão do teatro Pedro Ivo, onde aconteceram os atos

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *