Geral

O assunto é câncer do intestino

ATÉ NA ALESC UM ESPECIALISTA FOI CHAMADO PARA INFORMAR E ORIENTAR SOBRE PREVENÇÃO

Se o Novembro Azul se constitui uma cruzada para prevenir e orientar sobre o câncer de próstata, o Março Azul foca a prevenção ao câncer do intestino. Embora extremamente chato de se fazer, o melhor exame para prevenir esse tipo de câncer é o de colonoscopia. O assunto é tão importante que o médico coloproctologista Guilherme Buchen foi convidado a falar na Alesc sobre o tema.

Buchen discorreu sobre a importância do diagnóstico e do tratamento precoce e pediu o apoio dos parlamentares catarinenses para mais estratégias de prevenção

PALAVRA DE ESPECIALISTA

“Hoje, o principal exame que detecta precocemente o câncer do intestino é a colonoscopia, que é de difícil acesso no serviço público. Sai mais barato para os cofres públicos ofertar mais esse exame do que investir no tratamento do câncer”.

“Cada paciente em tratamento hoje custa em média R$ 77 mil. A estimativa é de que 2,5 mil a 3 mil catarinense tenham o diagnóstico da doença esse ano, a um custo elevado como esse. Se o diagnóstico e o tratamento forem feitos o quanto antes, o poder público não vai precisar gastar todo esse dinheiro”.

Conforme explicou o coloproctologista, cabe às prefeituras pagar pelos exames de colonoscopia feito pelo SUS. Já o tratamento do câncer é bancado pelo Estado:

“A nossa proposta é que o governo estadual possa auxiliar os municípios no custeio dos exames. Por isso, estamos aqui pedindo o apoio da Assembleia Legislativa”, disse o médico coloproctologista Guilherme Buchen.

AINDA A RESPEITO

Guilherme Buchen alertou para o fato de o câncer do intestino ser o segundo tipo de câncer mais frequente em homens e mulheres, perdendo apenas para o de colo do útero e de próstata. Dados de entidades especializadas no assunto apontam que, diariamente, mais de 200 brasileiros são internados no SUS por complicações graves relacionadas ao câncer de intestino. “O câncer de intestino geralmente evoluiu de uma lesão benigna, chamada de pólipo, que, se não tratada adequadamente, vai crescendo até virar um câncer. Nós indicamos que todas as pessoas a partir dos 45 anos iniciem a prevenção da doença, mesmo que não haja sintomas”, orientou Buchen.

EXAMES E ESPECIALISTAS EM LAGES

Não é publicidade, mas informação a respeito.

Em Lages há os serviços de excelência da Clinicolon, clínica que, além de um corpo clínico de especialistas, possui também estrutura moderna para realizar exames diversos, inclusive de colonoscopia. Naturalmente, além da Clinicolon, a cidade possui também outras boas referências para consultas, exames e tratamento nessa área.

Acima parte do elenco de especialistas que integram a Clinicolon em Lages. Mas você fique à vontade para buscar o apoio de um profissional para acompanhamento preventivo. Prevenção é importante e necessária em relação a várias doenças. Mas quando o assunto é câncer, prevenir é a senha para viver mais e com qualidade de vida!

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *