Geral

O gesto de Colombo a João Rodrigues

EX-GOVERNADOR ACENOU AO PREFEITO DE CHAPECÓ PARA QUE ELE DECIDA SE RENUNCIA PARA CONCORRER AO GOVERNO OU NÃO. “O PARTIDO TERÁ CANDIDATO”.

Talvez porque saiba que dificilmente João Rodrigues irá renunciar ao cargo de prefeito (de Chapecó) para concorrer ao governo do Estado, e também para evidenciar harmonia dentro do PSD, ex-governador Colombo praticou um gesto. “Nesses 10 dias o João Rodrigues precisa ter total liberdade e apoio para tomar essa decisão e fazer as conversações com os outros partidos e desenvolver o seu projeto”, observa Colombo. Observando que faz esse aceno dando a João Rodrigues a prioridade de decisão, Colombo destaca que pratica o gesto de forma colaborativa. “Acho que é um momento de harmonia, de unidade, de soma”.

PRAZO PARA ISSO

João Rodrigues tem, na verdade, até sexta-feira da semana que vem, dia 01, para decidir se renuncia ao cargo de prefeito. E decidindo, praticar a renúncia, para ficar em condições de concorrer ao governo. Fontes apontam que essa hipótese de renúncia de João Rodrigues é muito pouco provável. “Só se ele sentir que o projeto de ser governador é absolutamente viável”.

A conversa entre João Rodrigues e Colombo, acompanhada pelo presidente do PSD, Milton Hobus, não foi essa do registro acima, mas procurou deixar o prefeito de Chapecó à vontade para decidir se quer concorrer ou correr da peleia nas urnas em 2022

COLOMBO DIALOGA COM O MDB

Antes de dialogar com Joao Rodrigues na noite de segunda-feira, 21, Colombo conversou com o senador Amin (PP) e com lideranças do MDB, de forma separada. O presidente pelego, Celso Maldaner, o pré-candidato a governador pelo MDB, prefeito Antídio, e os deputados Chiodini (cotado para ser vice de Moisés) e Cobalchini fizeram parte da agenda de prosa do ex-governador. Raimundo Colombo segue tentando construir um projeto de coligação amplo com PSD, União Brasil e PP. E o sonho de consumo seria agregar MDB na mesma trincheira. Na teoria, é bem interessante!

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *