Geral

Obras nas ‘ruínas’ da Sinotruk

TERRAPLANAGEM NA ÁREA QUE SERIA DA MONTADORA JÁ COMEÇOU PARA INSTALAÇÃO DE FUTURO DISTRITO INDUSTRIAL ÀS MARGENS DA BR-282

Já tem máquina roncando na preparação da área que deverá receber empresas naquilo que era para ser o espaço destinado à montadora Sinotruk. E quando informamos que tem máquina roncando, é bem assim no singular. Uma máquina faz a compactação do solo e terraplanagem na parte norte da área. Importante que já é um começo para que, num futuro não tão distante, o terreno passe a receber empresas.

CLARO QUE…

Até o distrito industrial (PISC) receber empreendimentos há um longo caminho a ser percorrido. Da ligação de rede elétrica com capacidade para atender demanda maior de consumo ao próprio acesso (via BR-282) há todo um conjunto de ações por fazer. Mas como já haveria o projeto de organizar a área para recepcionar empreendedores, o trabalho nesse sentido já está em andamento.

A possante no trecho, nessa imensidão de área vai plainando a área que receberá futuros empreendimentos empresariais na saída para Florianópolis

Essa espiada do trabalho em andamento é de uma perspectiva a partir do barranco do acostamento da BR-282. Ao fundo, aquele reflorestamento, pertence ao município e a venda deve render uns bons pilas para os cofres do Paço

CURIOSIDADE NA ÁREA

Porque imagem vale mais que palavras (ou pelo menos exterioriza mais), observe a área que já foi cavoucada para a retirada de pedra para as obras urbanas de Lages. Só o material que saiu daqui já pagou o custo da área que o município parcelou (o pagamento) em 96 prestações

O próprio material daqui será utilizado para ajudar a plainar o terreno, deixando-o em condições de receber empreendimentos num futuro não tão distante!

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *