Geral

Praça: A falta que faz o poder público

UMA DAS PRINCIPAIS PRAÇAS DE LAGES VIROU ATÉ MICTÓRIO PÚBLICO PELA ESCURIDÃO

Quando por circunstâncias diversas o poder público se mostra ausente, a tendência infelizmente é a postura desleixada de algumas pessoas em relação a determinados espaços. Apesar de ser uma das praças mais belas (e históricas) de Lages, a Vidal Ramos Sênior (praça do Terminal) está em situação lamentável. Isso por falta de presença constante das forças de segurança, fazendo com que moradores de rua tomem conta do lugar e, por causa da falta de manutenção na iluminação pública.

Integrante da própria administração municipal compartilhou essa imagem da providência de moradores de rua em fazer fogueira em plena praça para se aquecer. Algo de errado não está certo até porque o espaço é público, mas para todos e não para grupos que acabam afastando outras pessoas do convívio na praça

ESCURIDÃO E MICTÓRIO

Nesta semana circularam fotos (recebemos no programa Hora da Corneta da Clube FM), de pessoas (homens) utilizando a praça do Terminal como mictório. Ao invés de descerem aos banheiros ali existentes, como o local está escuro, fazem as necessidades fisiológicas do ladinho da cerca na vegetação ali existente. Com a praça iluminada, tudo claro, esse tipo de desrespeito em local público não prevaleceria. Algo básico, mas que o poder público falha até em tal situação.

INCLUSIVE PORQUE…

Se há um problema de manutenção da rede de iluminação pública por causa do fim do contrato com a Serrana Engenharia, providencie-se a ação emergencial pelo menos em locais de movimentação intensa, como as praças. E pelas imagens, infelizmente, nem isso vem ocorrendo!

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *