Geral

Procuradoria da Mulher na Câmara

INICIATIVA É MAIS UM INSTRUMENTO DE APOIO ÀS MULHERES LAGEANAS

Lá se vão 11 anos que a Câmara dos Deputados possui uma estrutura chamada Procuradoria da Mulher. Trata-se de uma área especializada para receber denúncias, encaminhar discussões e atuar na proteção da mulher. Mais recentemente essa iniciativa se fez realidade da Alesc e a primeira iniciativa das vereadoras Suzana Duarte e Elaine Moraes (ambas Cidadania) foi ouvir da deputada Carmen Zanotto a experiência sobre o significado da referida procuradoria num âmbito de Câmara de Vereadores.

Vereadoras Elaine e Suzana com a deputada Carmen Zanotto, ainda antes do início dos trabalhos legislativos em Lages, discutindo a implementação da Procuradoria da Mulher na Câmara

ENCAMINHAMENTO DADO

A partir dessa articulação das vereadoras, agregando ainda a suplente Katsumi Yamaguchi (PP), a Procuradoria da Mulher na Câmara de Vereadores de Lages é uma realidade. O foco é o zelo, o atendimento e o apoio às políticas públicas de proteção à mulher no âmbito de Lages.


DIA DA MULHER E PROCURADORIA

Neste 8 de março, Dia Internacional da Mulher, será marcado pela instauração física do espaço da Procuradoria na Câmara. Para a vereadora Elaine Moraes, a estrutura será mais um órgão atuando no fortalecimento do combate a violência e a discriminação contra as mulheres. A vereadora Suzana Duarte cita que é essencial que se discutam as políticas sobre as mulheres. “O que se pode fazer para melhorar as condições de vida delas e também fiscalizar os recursos que virão para o nosso município com o objetivo de garantir a promoção da igualdade de gênero”.

ALIÁS

A discriminação com as mulheres em Lages está tão enraizada que até a presidência da Câmara procurou puxar a instalação da Procuradoria, como uma iniciativa e bandeira do poder legislativo. Quando que na verdade, sabe-se desde o princípio que foram as mulheres vereadoras que articularam desde janeiro tal providência. Inclusive a iniciativa foi bandeira das mulheres agora vereadoras para dispor desse canal de defesa na Câmara, protegendo lageanas da violência e discriminação que se enfrenta no cotidiano.

Vereadoras Suzana e Elaine no registro, por certo pensando: – Más somos nós que estamos articulando a Procuradoria da Mulher na Câmara, Presidente!

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *