Geral

Quem será o ‘Gambito do Gringo’?

REJEIÇÃO A CERON NÃO É NECESSARIAMENTE POR CAUSA DELE

Nenhum dos candidatos a prefeito de Lages tinha tanta rejeição nas pesquisas para consumo – e naquela divulgada – quanto Antonio Ceron. Os concorrentes do Gringo, através de interlocutores com os quais conversamos, exteriorizavam uma rejeição ao prefeito que até eles mesmo se surpreendiam. “É incrível como as pessoas têm certa ojeriza ao grupo que aí está. Até a gente se sente mal porque também é político”. Isso ouvimos de um ex-prefeito, numa das prosas, após o mesmo ter retornado das peleias de rua.

AÍ ESTÁ A EXPLICAÇÃO?

Não se trataria de uma rejeição apenas personalíssima. Aquela onde o político é o único causador da postura arredia do eleitor. Até porque Ceron, em suas posturas no estilo casca grossa, mais agrada que desagrada (preferimos políticos que nos tragam verdades, embora amargas, que falsos afagos verbais). O problema residiria também na referência entre aspas acima: o grupo que aí está.

ENTENDENDO O DESGASTE

Se há uma ampla maioria de obreiros, naquele sacerdócio do desempenho da função pública, dedicando-se full time (como exige o cargo comissionado), há poucas exceções daqueles jogados nas cordas que o coletivo visualiza e se revolta. Lê-se que, logo Ceron que é dado ao trabalho desde quando era mais piá, não deveria aceitar conviver com aqueles que pouco (ou nada) fazem. Peões que apenas figuram na folha de onde embolsam mais de R$ 300.000,00 da mãe prefa em quatro anos.

A SOLUÇÃO ESTÁ NO

GAMBITO DA RAINHA

A jogada célebre que dá nome à série da Netflix poderia orientar Ceron nesse segundo tempo de seu reinado no Paço. Aceita e assume o desgaste, a rejeição, a chateação do quase coletivo por causa dos encostados do pago (embora faça uma gestão incontestavelmente de excelência), ou identifica os bon vivants e aplica a jogada de xadrez que dá título à série Gambito da Rainha: sacrifica o peão para salvar o tabuleiro.

E…

Como sabe quem são os desgastantes do pago, toma-se a providência praticando o Gambito do Gringo ou dá de ombros para a rejeição já que embora mais de 90.000 lageanos não tenham votado nele, o importante é ter somado aqueles 56 votos a mais que garantiram proteção aos peões, cujo tabuleiro já fora conquistado.

E de jogo o Gringo entende desde os tempos das peleias como dirigente do Internacional de Lages, nesse registro proseando com o saudoso Evaldir Nascimento nas ondas médias da Rádio Clube

Compartilhe

1 comentário para: “Quem será o ‘Gambito do Gringo’?”

  1. Parabéns pela leitura Edson!! Penso que é muita gente ligado ao empreguismo! Muitos deles até por amizades POLÍTICAS! A ociosidade dos MESMOS é notória! E a população espera uma resposta do prefeito reeleito! Qualquer gestor da iniciativa privada! Teria resolvido ISSO em pouquíssimas horas!! Como contribuinte espero que desta vez o mandatário do PAÇO!! TOME ATITUDE.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *