Geral

Reforço na energia em São Joaquim

SISTEMA COLOCARÁ MAIS 10 MVA PARA ATENDER QUATRO MUNICÍPIOS

Sistema elétrico que atende parte da Serra Catarinense vai receber reforço ainda no primeiro semestre deste ano, quando será concluída a substituição do atual transformador de 16,6 MVA da Subestação São Joaquim, por um novo com capacidade de 26 MVA.

SIGNIFICADO DO AUMENTO DA CAPACIDADE

A ampliação trará benefício direto a cerca de 14 mil unidades consumidoras e a oito mil indiretamente, nos municípios de Urupema, São Joaquim, Bom Jardim da Serra e Urubici.

DIVISÃO DE CARGAS

A subestação também recebeu um novo alimentador para dividir as cargas de energia destinadas à Zona Rural de São Joaquim, disjuntores e alarmes de instabilidade mais modernos e eficientes, garantindo maior confiabilidade ao sistema elétrico da região. “Estamos investindo em melhorias para garantir a disponibilidade de energia elétrica para uma região que vive grande expansão em setores importantes da economia do estado, como os câmaras frias para armazenamento de frutas, a produção das vinícolas e o turismo”, afirma o gerente do Núcleo Planalto da Celesc, Gladimir Jeremias.

Novos equipamentos chegando à subestação em São Joaquim que irá ampliar a capacidade de geração de energia para atender a demanda criada com câmaras frias e outras atividades da economia do município

FOCO DE RECLAMAÇÕES NA SERRA

Ainda persistem nos municípios de menor porte na Serra Catarinense uma reclamação comum dos consumidores da Celesc que é a demora no fornecimento de energia, quando há interrupção. Há localidades do interior que ficam dois, três dias sem luz, quando ocorre queda no fornecimento. A orientação tem sido ligar ao serviço de 0800, mas os usuários reclamam que fazem o registro e há impressão que a demanda para reparo não chega à área pertinente.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *