Geral

Um tchamanhã ao Portugas

CLUBE LAGEANO VAI AO CHÃO E DÁ LUGAR A UMA CONCESSIONÁRIA

Do grupo Notícia no Ato colhemos um registro que já é sinônimo de saudosismo. Os jovens de agora na paróquia não fazem ideia do circuito de festa de dias atrás, começando no 900 Executivo e fechando a noite no Portugas. Não fazem ideia porque o 900 já foi e o Portugas está indo. Vendido para a maior rede de concessionárias com atuação em Lages, o espaço (prédio e terreno) onde funcionava a boate está sendo demolido.

MÁQUINA EM AÇÃO

A semana começou com a cena de uma escavadeira hidráulica colocando ao chão o palco das noitadas lageanas da Avenida Presidente Vargas. Responsável por não ter deixado nossa geração reunir dinheiro (o que a gente ganhava, gastava nas cubas do Portugas), o Clube sai de cena deixando uma geração rememorando tempos idos.

A demolição de um dos mais tradicionais locais de festas em Lages, o Portugas da Avenida Presidente Vargas.

A última repaginada antes de vir ao chão e o registro em memória de Armando Lavina, o homem que concebeu e tornou o Portugas uma referência do entretenimento em Lages!

ORIGEM DO NOME PORTUGAS

O primeiro dono que idealizou a casa noturna era um português. A própria filha (Fátima) associou a referência ao pai nominando assim a boate que tocou mentes e corações por mais de quatro décadas em Lages.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *