Geral

Alô velhinhos! SC chama não vacinados

IDOSOS QUE NÃO BUSCARAM SE VACINAR CONTRA A COVID-19 DEVEM SER LOCALIZADOS E ORIENTADOS A SE IMUNIZAR

Ao receber as cargas de vacinas enviadas pelo Ministério da Saúde à Santa Catarina –  75.500 doses da vacina Astrazeneca/Fiocruz e 69.200 da Sinovac/Butantan – a Secretária de Estado da Saúde, Carmen Zanotto, apontou a preocupação sobre aqueles que, tendo direito, não buscaram a imunização. “É muito importante realizar a busca ativa para que todas as pessoas de 65 anos ou mais que ainda não foram vacinadas sejam imunizadas”.

DOSE 1 E DOSE 2

Carmen Zanotto lembrou que aquelas que já tomaram a primeira dose também precisam da aplicação da segunda dose. “A D2 é tão importante quando a primeira para garantir a imunização”. A operação de distribuição foi mais ágil nesta quinta-feira, 07. Lages, por exemplo, por transporte terrestre, recebe as doses dos lotes que chegaram ainda antes do anoitecer desta quinta-feira já para poder aplicar a partir da sexta-feira, 08.

Carmen Zanotto no aeroporto de Florianópolis, na nova rotina de vida, com a troca do cargo de Deputada Federal pela Secretaria de Estado da Saúde

QUANTOS QUE PODIAM

E NÃO FORAM SE VACINAR?

Secretaria da Saúde de Lages ainda não divulgou dados sobre os ‘gazeadores’ que poderiam tomar a dose contra a Covid-19 e, apesar dos chamamentos diversos, não foram se imunizar nas estruturas disponibilizadas. Florianópolis informou que pelo menos 800 idosos nas faixas etárias já imunizadas, não procuraram a vacina. Os fatores que levam a esse ‘recolhimento’ são os mais diversos, desde alguns já falecidos e que ainda constam no sistema, até aqueles que não querer se vacinar.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *