Geral

SC: Em cada 100 apenas 4 sem emprego

Dias desses uma publicação daquelas que tentava desqualificar os aparatos do Governo do Estado nas políticas públicas para contribuir na geração de empregos, apontava que Santa Catarina caiu de primeiro lugar no ranking da geração de empregos no País no ano de 2017 para quinto lugar em 2021.

ENTRETANTO

O Estado liderava o ranking naquele ano (2017) com menos de 30 mil vagas geradas nos 12 meses. E ano passado foram 168.000 vagas a mais. Mais de 5 vezes a contabilidade de 2017. E esses dados se consolidaram nas informações do IBGE, divulgadas hoje, 24.

ESTADO COM MENOR DESEMPREGO NO PAÍS

Os números do ano passado reforçaram a posição catarinense com o menor índice de desemprego do Brasil. São 4,3% da população economicamente ativa fora do mercado de trabalho. Nacionalmente, o percentual está em 11,1%. O governador Carlos Moisés destaca que o resultado representa pleno emprego. O IBGE também confirmou que o estado tem o maior percentual de trabalhadores do setor privado com carteira assinada: 87,9%. Nacionalmente, a taxa é de 73,5%.

DIZ O GOVERNADOR MOISÉS QUE…

“Santa Catarina tem hoje a sua menor taxa de desemprego em muitos anos. Isso é fruto da resiliência do setor produtivo e da segurança jurídica para se investir aqui. O Governo do Estado tem atuado lado a lado com os empreendedores, especialmente nesse período de pandemia. O resultado do IBGE nos deixa muito felizes e temos a convicção de que veremos esse índice cair ainda mais ao longo de 2022. Nossa economia é forte e diversificada”.

Governador Moisés que também comemorou nesta semana o fato de Santa Catarina ter saído na frente em relação ao lançamento da Carteira Única de identidade. O Estado tem mais de 100 mil pessoas com o novo documento, enquanto as outras partes do País iniciam agora a adesão ao modelo

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *