Geral

Impeachment II: Dificilmente passará

TENDÊNCIA É DE ARQUIVO DO RELATÓRIO QUE CONTEMPLA QUESTÃO DOS RESPIRADORES

Se o primeiro processo que foi a plenário relativo a pedido de impeachment navegou com a onda a favor do afastamento do governador Moisés do cargo, este segundo (relacionado à compra de respiradores) tende a ser remado com maior dificuldades por aqueles contrários ao Palácio.

OCORRE QUE…

Por circunstâncias diversas, inclusive um certo alinhamento de diálogo do próprio governador Moisés com o parlamento, há resistência inclusive para que o processo siga adiante. Uma das estratégias é tentar deixar a apreciação do assunto em plenário para o ano que vem. Com isso, a situação esfriaria um pouco mais.

E mesmo que analisado neste ano, não haveria placar como aquele que afastou Moisés das funções, deixando-o fora do cargo por 34 dias

Mas há integrantes do parlamento inconformados com essa tendência do segundo pedido de impeachment não prosperar, como aponta a postagem acima do deputado Jessé Lopes, eleito pelo mesmo PSL de Carlos Moisés

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *