Geral

Sim ou não ao lockdown?

NÃO! A GENTE NÃO TEM OPINIÃO FORMADA SOBRE A MEDIDA

Passamos um restante de domingo e segunda-feira recebendo ponderações das mais diversas sobre as medidas adotadas através de decreto e com validade a partir desta terça-feira, 09, em Lages. Mas não há como cravar o que é ideal em relação à situação posta.

E…

Sem querer atucanar ficando em cima do muro, mas os dois lados têm razão. Há a angústia coletiva do risco de precisar de leito de UTI e não encontrar disponível e, por outro lado, uma economia que já cambaleia, tende a sofrer mais por causa das restrições.

O perfil Lages Para Sempre no Instagram colocou a enquete e, depois de 19 horas, o resultado parcial foi esse acima. Eu votei no sim pela angústia. Mas não tenho certeza disso pelo que as restrições representam para o setor econômico de Lages.

QUANDO HOUVE MAIS MORTES

LAGES NÃO DECRETOU LOCKDOWN

Não, não estamos vivendo o período de maior quantidade de óbitos pela pandemia em Lages. Os dados absolutos indicam que foi o mês de dezembro que se registrou maior perda de vidas na cidade.

O pior mês foi dezembro em número de óbitos e de casos novos. Nem agosto onde, geralmente falecem mais idosos em anos sem pandemia, bateu o número do último mês de 2020

O dado lá de cima se confirma nos números oficiais do boletim da Secretaria da Saúde de Lages

OU SEJA

O lockdown decretado não é por causa do número de mortos dos últimos dias. Mas devido à falência do sistema estrutural de saúde.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *