Geral

Tratamento precoce em SC? Que nada!

GOVERNADORA DANIELA REINEHR REITERA RESPEITO À AUTONOMIA DOS MÉDICOS

“Nosso foco é preservar a vida, vacinar mais rápido, sem abrir mão dos protocolos de prevenção e do atendimento imediato, logo aos primeiros sintomas, respeitando a autonomia dos médicos”.

Para quem aguardava que a governadora Daniela Reinehr iria colocar como palavra de ordem no enfrentamento à Covid-19 a adoção de protocolo de tratamento precoce, as palavras dela (acima) citando respeito à autonomia dos médicos significam que, cabem a esses profissionais nortearem aquilo que é melhor ao paciente.

MELHOR COMUNICAÇÃO

Embora a gente tenha entendimento que o governador Moisés vinha (e continua) se comunicando bem com a população quando o assunto é pandemia, na sua primeira fala como secretária da Saúde, Carmen Zanotto destacou a necessidade de ‘se comunicar melhor com o povo’.

Talvez a referência seja à chuva de decretos que, muitas vezes, o cidadão comum (e até mesmo os mais entendidos) ficam confusos. Mas no geral, tanto nas redes sociais, quanto nos meios de comunicação, o Estado tem feito um papel bem elucidativo e orientativo sobre a Covid-19. Se o povo está assimilando daí é outra história!

Santa Catarina recebeu na quinta-feira, 01, o maior lote de vacinas para distribuição ao Estado, somando 309.050 doses. Deste total, 18.250 doses são da vacina Oxford/Astrazeneca e 290.800 da vacina Sinovac/Butantan.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *