Geral

Um banco de alimentos no André Luiz

ESTRUTURA CUSTOU R$ 450 MIL PARA A PREFEITURA DE LAGES E FOI INAUGURADA NESTA QUINTA-FEIRA, 04

Pertencente à Secretaria Municipal de Educação, parte da estrutura do antigo Centro de Formação de Mão de Obra André Luiz (na frente do parque Conta Dinheiro) foi cedido em regime de comodato à Secretaria de Assistência Social. Vencida essa burocracia, foi feito um aporte de R$ 450 mil de recursos próprios do município para a instalação de um Banco de Alimentos. O espaço foi inaugurado.

Claudinei Marques, Secretário de Estado da Assistência Social, com o secretário da mesma pasta em Lages, Jean Pierre Ezequiel, com a primeira dama Salete Ceron, inaugurando a estrutura

Para se ter ideia da operacionalização dessa estrutura: Cerca de 300 famílias estão inseridas no programa Agricultura Familiar. Elas fornecem produtos hortifrutigranjeiros para o Banco de Alimentos. Neste ano já foram distribuídas 350 toneladas de alimentos, atendendo em média 5.500 lageanos por semana e contemplando 26 entidades filantrópicas.

O QUE TEM NO BANCO DE ALIMENTOS?

A nova estrutura conta com cozinha, sala administrativa, serviço social, auditório, sala de triagem e seleção de alimentos, área de descarte, estocagem, duas câmaras frias e banheiros com acessibilidade. Também foram adquiridos equipamentos da linha industrial, como batedeira planetária, secadora a vácuo, liquidificador basculante, centrífuga de sucos, despolpador e balança.

O secretário de Estado, Claudinei Marques (centro no registro com o prefeito Ceron e o secretário Jean Pierre) anunciou que Lages será contemplada com um caminhão e um furgão, que deverão ser usados no transporte de alimentos. Na semana que vem irá a Brasília tratar deste trâmite e convidou o secretário Jean Pierre Ezequiel para acompanhá-lo.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *