Geral

Uma década sem Luiz Zanella

J. AMARANTE REGISTROU O ANIVERSÁRIO DA MORTE DO LOCUTOR

“O gaúcho Luiz Zanella Sobrinho veio estudar em Lages. Apaixonou-se pela cidade e nela cumpriu o sonho de ser artista. A voz padrão de uma das maiores emissoras do sul do país, a Rádio Clube de Lages, calou-se na manhã do dia 16 de fevereiro de 2011. Luiz Zanella Sobrinho atuou por quase meio século na radiodifusão catarinense. São 10 anos de saudade”.

O texto acima é do caçulinha da foto ao centro, J. Amarante, o Dico, ao lembrar que há 10 anos perdíamos Luiz Zanella (direita). Ambos aparecem com outro ‘monstro’ do radiojornalismo lageano, Silva Müller, nos tempos do antigo estúdio da Rádio Clube de Lages.

ZANELLA NA RÁDIO CLUBE

Nas décadas de 1970, 1980, 1990 e 2000, lá estava o vozeirão de Luiz Zanella dando chancela à programação da Rádio Clube de Lages, até então no AM. Fixamente na emissora apresentava os dois ‘jornais falados’ – às 8h e às 12h. Também tocava o programa Show da Manhã das 10h às 12h. Era dele ainda a responsabilidade pela apresentação da Oração da Ave Maria às 18 horas.

VOZES MARCANTE

Poucas pessoas em Lages têm a voz associada imediatamente ao intérprete. Maneca, que comemorou na segunda-feira, 15 de fevereiro, 64 anos de seu programa Alma Cabocla é assim. Zanella da mesma forma sempre foi essa referência de abrir a boca e, na primeira palavra citada, já se saber quem estava falando.

Maneca e os 64 anos de Alma Cabocla. Uma voz que, assim como a de Luiz Zanella, é imediatamente identificada pela característica própria

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *