Geral

‘Vamos mexer no Terminal e no Tanque’

RECADO FOI DO PREFEITO CERON DURANTE PROSA COM LOJISTAS NESTA SEMANA

Tudo ao seu tempo, mas está chegando o tempo de outras intervenções revitalísticas na área central de Lages. Nesta semana o prefeito Ceron e parte de seu staff estiveram com a diretoria da CDL. Foram explicados detalhes sobre os trabalhos finais da revitalização na Rua Coronel Córdova. Reforçado que a obra contempla ainda um pedaço da Rua Correia Pinto. Mais que bonito, Ceron disse que o Centro ficará mais funcional.

E VEM NOVIDADES POR AÍ…

Na verdade não são novidades novas porque o próprio prefeito antes mesmo de embarcar no segundo mandato havia comentado sobre a ideia de revitalizar dois pontos cheios de simbolismo na cidade. Um deles é o Terminal Urbano que recebe aquele meio milhão de passageiros todos os meses (talvez menos agora por causa da pandemia). Nada de intervenção na praça visto que a mesma tem remodelação relativamente recente. Mas a estrutura de chegada e saída de ônibus e de acesso de passageiros terá essa repaginada.

E NÃO PARA POR AÍ…

O Tanque é outro espaço que, embora já revitalizado algumas vezes, receberá também repaginação. Aliás, o Tanque carece de sofrer tais intervenções, mas com cuidado quase cirúrgico. É preciso não repetir erros do ‘desmatamento’ do Calçadão e nem estruturas demasiadas frágeis devido ao vandalismo, infelizmente, sempre presente. Embora tenham vindo as informações de que o prefeito abordou os temas na reunião com empresários, por enquanto não há vestígio do projeto de revitalização desses dois espaços públicos da paróquia a serem ‘cirurgiados’.

Lojistas e alguns integrantes do staff do Paço, Ceron e o presidente da CDL, Zulmiro Klan, estiveram visitando as obras em andamento do Mercado Público

Compartilhe

1 comentário para: “‘Vamos mexer no Terminal e no Tanque’”

  1. É sempre assim. As regiões que já tem infraestrutura sempre recebem mais infraestrutura. Enquanto isso bairros como o Guarujá, São Miguel, Itapuã, São Luiz, Várzea, Santa Mônica, Vila Maria não se tem nem a manutenção de praças, quadras, quem dera asfalto… Veja as ruas do Sagrado, todas já com pavimento e recebendo asfalto nos últimos anos, enquanto isso na Penha, nada… Veja as avenidas como a Presidente Vargas e Camões, sem ciclovia enquanto isso o centro recebendo uma enxurrada de dinheiro para revitalização. O que os moradores e comerciantes desses bairros tem de pior se comparado com os do Sagrado e Centro? Talvez tenham o azar de não ter nascido na bolha que é essa região.

    Aí eu pergunto, nas avenidas e ruas novas que vão fazer como a João Schultz e Bernardo Gonçalves Kuster está previsto no orçamento e projeto a infraestrutura para pedestres e ciclistas?

    Se não está, é confirmar o atraso e o pensamento pequeno principalmente do Prefeito e seus secretários e também dos vereadores.

    Viajam pelo mundo, vão aos melhores lugares de infraestrutura, mas são incapazes de trazer uma melhoria, uma mudança para a cidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *