Tropas… Estudo da Coxilha Rica em Portugal

3
232

Presidente da SCGÁS, Cosme Polêse, apresentou dois artigos relacionados à preservação socioambiental da Coxilha Rica. Os estudos foram expostos e apresentados na segunda edição do Encontro Luso-Afro-Americano de Geografia Física e Ambiental, na cidade de Guimarães, em Portugal. No artigo que trata da preservação ambiental da região, Polêse e mais três autores afirmam que a área está sujeita a apropriação para conversão em atividades econômicas rentáveis, defendendo a aplicação de medidas de conservação efetivas.

ESTRADA REAL CAMINHO DAS TROPAS

Em um segundo estudo, os autores fazem uma análise dos aspectos socioespaciais da Coxilha Rica, considerada um dos acervos paisagísticos e arquitetônicos mais importantes relacionados ao tropeirismo. Além de defenderem a proposta de tombamento e conservação deste acervo, feita pelo IPHAN, defendem a implantação de uma Unidade de Conservação Municipal de Uso Sustentável, que seria chamada de Estrada Parque Real Caminho das Tropas.

Cosme Polese no além mar, apresentando estudo sobre a Coxilha Rica, a região que está se transformando numa grande lavoura de pinus, milho, soja e etc

 

POR FALAR NA COXILHA RICA

A OBRA DA ESTRADA AVANÇA

Últimas imagens que temos o trabalho para o asfaltamento do trecho da Vigia a São Jorge, passando pelo Bodegão…

Máquinas e homens se revezam para o feitio de base, macadame e demais camadas que integram o futuro asfaltamento. O trabalho inicial já passa da ponte do Pelotinhas!

Informações de Portugal: Leonardo Estrella

Compartilhar a matéria

3 COMENTÁRIOS

  1. NOTICIA DOS TROPEIROS; – PREZADO EDSON; INFORMO QUE NA COXILHA RICA, FREQUENTEMENTE TEM APARECIDO ESPÉCIES EXÓTICAS DE PARASITAS VINDAS DE OUTRAS “PRAGAS, ” QUE BUSCAM MEIOS DE SOBREVIVÊNCIA NO “AMBIENTE ALHEIO”, DAS PROPRIEDADES PRIVADAS …!!!- ESTA ESPÉCIE DE PARASITAS TEM TENTADO NOS ÚLTIMOS ANOS CONTAMINAR O AMBIENTE NATURAL DA COXILHA RICA, PARA IMPEDIR O SEU DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL. TODAVIA SÃO FÁCEIS DE SEREM CONTROLADAS PELA PECULIARIDADE DE POSSUÍREM ” RABO GRANDE “…!!!

    • Névio, os GAUCHOS; principalmente os descendentes de Italianos e Alemães, como “José Paschoal Baggio” merecem nosso respeito e gratidão, por terem aberto as fronteiras agrícolas deste País, transformando uma nação de índios e exploradores, num dos maiores produtores mundial de madeiras, grãos e carnes. Os parasitas que me refiro no comentário, são burocratas, espertalhões, que nunca construíram nada, que vagueiam nos corredores sujos da politica, servindo-se de cargos públicos para sobreviverem, achando-se no direito de proporem regras na propriedade alheia. O objetivo dessas ESPÉCIES EXÓTICAS, é criar espaços para ficarem recebendo por projetos que atende unicamente os interesses econômicos de organizações internacionais. Resumindo; são literalmente, os JUDAS do Brasil…,

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here