Obras

Empresários em visita técnica no mercado

Como será a operacionalização no mercado público revitalizado de Lages? Teremos um modelo tipo o Eataly São Paulo ou algo mais modesto na linha do mercado público de Floripa? Porque é indispensável que quem atue na gastronomia acompanhe o andar das obras para ter noção do que vem por aí, empresários lageanos estiveram visitando a obra. Eles integram o Núcleo de Gastronomia da Acil e liderados pelo coordenador Ruan Rangel conferiram a perspectiva desse nosso espaço.

SOBRE A OBRA

Após revitalizado, o mercado público terá 3.585 metros quadrados. Seu pavimento térreo será dotado de lojas e a área de culinária estará no piso superior, onde estará o espaço gourmet e salão de eventos, incluindo elevador com acessibilidade. No Mercado Público haverá os setores do mercado antigo e do mercado novo.

ANTIGO E NOVO

Na parte antiga (praticamente fechada), com características histórico-culturais preservadas, porém, revitalizada, será disponibilizado espaço para comercialização de artigos do artesanato local. Na área nova, externa (semiaberta), estarão os hortifrutigranjeiros, açougue e peixaria. Bistrôs, lanchonetes e cafeterias estarão no térreo e no segundo nível do espaço. Serão 34 boxes, um restaurante, dois cafeterias, ambientes para barbearia, casa lotérica e caixa eletrônico. Em respeito à história da Serra será instalado um monumento em alusão às taipas da Coxilha Rica.

RUAN RANGEL DIZ

“Solicitamos uma reunião para apresentação do projeto, encontro feito há uns 15 dias. Pretendemos estar mais presentes e conhecedores do que está sendo feito no local”. O objetivo é fazer que as entidades privadas estejam mais envolvidas no processo. “Visitar as obras foi impactante pelo que vi aqui. Não imaginei esta dimensão. O Mercado ficará enorme. O impacto para Lages deverá ser positivo e bem planejado para alcançar resultados imediatistas, correspondendo às expectativas”.

Ruan Rangel (esquerda) e colegas empreendedores do setor gastronômico conferindo as informações do que será o mercado público depois de revitalizado

Presidente da CDL, Marcos Tortelli, prefeito Ceron e empresários do ramo gastronômico na visita técnica da obra tocada pela empresa Terra Engenharia

Altenir Agostini, cujo Sebrae que ele comanda na Serra será parceiro dos empreendedores nas atividades futuras do mercado público, acompanhou a visita técnica com os empresários

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *