Polícia

Lages: Integrantes de facção vão a juri

Está na pauta do Tribunal do Juri da Comarca de Lages, em trabalhos presididos pelo juiz Geraldo Correa Bastos, o julgamento de três integrantes da organização criminosa Primeiro Grupo Catarinense (PGC). Vlamir Floriani de Lima, o Tio Gera, apontado como detentor do cargo hierárquico mais alto da facção; Renan Augusto Dutra, o Gibi, e Sergio Luiz dos Santos da Silva, conhecido como Smigou. O trio é acusado da morte de Alex Oliveira Correa, vulgo Pequeno Mestre, por motivo torpe.

O CRIME E A PAUTA

A morte de Pequeno Mestre ocorreu no dia 23 de dezembro, antevéspera do Natal de 2016. Segundo as circunstâncias apuradas pela polícia judiciária e que consta dos autos, a mando de Tio Dersa, Renan e Sergio teriam matado Alex com um tiro por conta de disputa por ponto de venda de drogas no bairro Morro do Posto, em Lages. O julgamento inicia por volta das 10 da manhã desta quinta-feira, 08, com previsão de se estender até à noite.

Imagem de arquivo de 2014 do Juiz Geraldo Correa Bastos que instruiu o processo e preside a sessão de julgamento nesta quinta-feira em Lages

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *