Polícia

Visitou a Serra e morreu na BR-282

Daquelas informações tristes para compartilhar nesses tempos de pandemia. Empresário Ângelo Seixas deixou a cidade paranaense de Ivaiporã para visitar as serras do Corvo Branco e Rio do Rastro. Apaixonados por motos, eles retornavam do passeio na manhã de sábado.

O ACIDENTE NA BR-282

Na altura do Km 82 da BR-282 quase na divisa de Alfredo Wagner com Rancho Queimado ele teria perdido o controle da motocicleta. Outros dois amigos que o acompanhavam em outras motos também vieram ao chão. Ângelo Seixas, após a queda, foi projetado com a moto na pista contrária. Uma caminhonete Hilux com placas de Palhoça acabou colidindo e levando-o a óbito. Há outra informação de que a Hilux que invadiu a pista contrária causando a colisão.

A motocicleta conduzida por Seixas foi atingida por uma caminhonete Hilux. O empresário paranaense morreu no local da colisão.

Ângelo Seixas, o empresário com a vida resolvida, tranquilo, mesclando a paixão pela moto e visita a lugares como a Serra do Corvo Branco (foto acima). A fatalidade no caminho de volta ao Paraná interrompeu a caminhada.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *