Política

10 notáveis que salvarão (ou não) Moisés

COMISSÃO DE DEPUTADOS E DESEMBARGADORES É FORMADA

No Tribunal de Justiça foi por sorteio. Na Assembleia Legislativa ocorreu votação. E está definida a comissão mista que irá decidir pela admissibilidade ou não do impeachment contra o governador Carlos Moisés, naquela denúncia de equiparação de salários entre procuradores do Estado e da Alesc.

CINCO DEPUTADOS

Maurício Eskudlark (PL)

Laércio Schuster (PSB)

Kennedy Nunes (PSD)

Luiz F. Vampiro (MDB)

Sargento Lima (PSL)

 

CINCO DESEMBARGADORES

Carlos Alberto Civinski

Cláudia Lambert de Farias

Luís Felipe Schuch

Rubens Schulz

Sérgio Rizelo

Desembargador Ricardo Roesler, presidente do TJ/SC, conduziu a escolha por sorteio dos cinco membros do judiciário catarinense que irá decidir pelo impeachment ou não do governador Moisés

E AGORA, MOISÉS?

Segunda-feira, 28, será instalada a referida comissão. O grupo de trabalho terá prazo de 10 dias para se manifestar pela admissibilidade do impeachment ou não. Governador Moisés acredita na condução técnica e jurídica do tema, devido à presença de desembargadores que não fazem – em tese – julgamento político. E por conta disso, entende que haverá um fim em si mesmo do referido processo, sem o desdobramento do afastamento.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *