Política Serra SC

2020: MDB da Serra foca reorganização

Desafio da sigla que mais tem prefeito em Santa Catarina é dar uma sacudida e voltar ao protagonismo eleitoral na disputa do ano que vem. Aqui na Serra Catarinense a sigla já chegou a eleger prefeitos e vices, estando presente em mais da metade das prefeituras, fato ocorrido na disputa eleitoral de 2012. Atualmente a presença é mais discreta e, em alguns municípios, a sigla tenta dar a volta por cima. Alguns exemplos:

LAGES – No dia 20 de outubro acontece a eleição que escolherá o novo diretório. Uma chapa de consenso deverá ser formada, integrando lideranças mais jovens e aquelas das antigas como é o caso do ex-vereador Paes. Embora se declare recolhido de qualquer articulação política, ex-prefeito Elizeu Matos deverá ser ouvido.

ANITA GARIBALDI – MDB deverá lançar candidato a prefeito. Há dois nomes em especial. O atual vice-prefeito Tadeu Furtado que quer disputar, até para dar resposta ao isolamento imposto pelo atual prefeito João Cidinei. Tadeu perdeu a eleição para Ivonir Fernandes em 2012 por meros 75 votos em Anita. Outro nome é de Rui Duarte, que há esforços de alguns setores do MDB para convencê-lo a disputar em 2020.

Tadeu Furtado (no centro da imagem ao lado de Juarez Matos) é o principal nome do MDB em Anita. Mas Rui Duarte ali escondidinho ao fundo (de azul da cor do Grêmio) é pressionado por colegas a disputar em 2020

CAPÃO ALTO – Atual vice-prefeito Zezo Pires disse que é pré-candidato a prefeito. Se PP de Tito Freitas e MDB sairão separados, veremos adiante.

OTACÍLIO COSTA – MDB aposta no nome do empresário Fabiano Baldessar. Mas o presidente da sigla, Altair Xavier é outra opção. Tem ainda Altamir Paes que, embora diga que não pretende concorrer, em cima da hora pode mudar de ideia.

Registro de arquivo que temos do empresário Fabiano Baldessar, nome forte do MDB em Otacílio Costa

SÃO JOSÉ DO CERRITO – Embora precise haver eleição, nos municípios da Serra aquele com nome mais forte do MDB para a disputa é de Moacir Ortiz. Ele é vice de Arno Marian (PSD) que faz uma boa administração e o emedebista é o nome defendido pelo próprio prefeito que está no segundo mandato.

Moacir Ortiz (acenando com as mãos) é o nome do MDB e da atual gestão para suceder Arno Marian no Cerrito

PALMEIRA – Ouvimos sobre hipótese de chapa única em Palmeira com a prefeita Fernanda Córdova à reeleição. Mas o pessoal do MDB tratou de espantar tal possibilidade. Vereador Romildo Cruz disse que a sigla se renova agora em outubro e o MDB terá nome forte para a disputa. “Chapa única nunca”.

CORREIA PINTO – MDB de Correia Pinto tem pelo menos uns seis nomes fortes. Cada um com suas características. A sigla não coliga com o PP que toca a administração, mas pode se aliar ao PSD, partido que atualmente está base do prefeito Celso Rogério.

BOCAINA DO SUL – Partido anda meio enfraquecido por causa das pancadas jurídicas que o prefeito Luiz Carlos Schmuller tem levado. Mesmo assim, garante o próprio atual prefeito, que o MDB estará na disputa da majoritária. O nome ainda não está claro.

Presidente estadual do MDB, Celso Maldaner, tem ajudado a costurar para que o partido continue sendo protagonista em municípios como Bocaina do vereador Macarena e do prefeito Luiz Schmuller

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *