Política Serra SC

Anita Garibaldi tem quatro candidaturas

HÁ HIPÓTESE DE UMA QUINTA CHAPA NA DISPUTA

Não faltaram surpresas nas definições das candidaturas na Serra Catarinense. Anita Garibaldi é exemplo disso. MDB manteve o projeto para eleição de Rosane Rodrigues desde o princípio até a reta de chegada. Mas na convenção acabou abrindo mão da cabeça de chapa. Coube ao empresário Adilson Salmória, o Kiko, ser o candidato a prefeito. Ele é filiado ao Cidadania. Rosane ficou como vice.

OS DOIS QUERIAM SER CABEÇA

Interessante que chegamos a noticiar a dobradinha dos personagens na foto abaixo: Adilson Salmória e Henrique Menegazzo fecharam parceria entre Cidadania e PSL. Faltava ver quem seria o vice. Ocorre que nem Salmória (Kiko) e nem o engenheiro agrônomo Henrique Menegazzo abriu mão de ser candidato a prefeito. Daí, cada um foi para um lado, e os dois concorrem à prefeitura de Anita Garibaldi.

Kiko Salmória fechou com o MDB de vice e concorre pelo Cidadania. Já Henrique Menegazzo concorre pelo PSL e tem emílio Forest Neto, o Mau, do PSDB de vice.

CHAPA PURA DO PARTIDO LIBERAL

Prefeito João Cidinei propagava que tinha mais duas siglas alinhadas ao projeto do PL. Ideia era formatar uma boa chapa à reeleição. Mas no final acabou ficando isolado e lançando chapa pura com o Antônio Schernordie (Toni) de vice. O atual prefeito tem certo favoritismo porque é reeleição e há muitas chapas na disputa.

PT E PSD JUNTOS EM ANITA

Ficou meio estranha, mas devidamente explicável a chapa entre Zezo (PT) e Enori (PSD). É que o candidato a prefeito do PSD seria o atual vice, Tadeu Furtado. Ele tentou uma decisão judicial para concorrer, mas sem êxito, recolheu-se. Daí o PSD indicou Enori para vice de Zezo Matos que era vereador do MDB e se filiou no PT para concorrer a prefeito.

Zezo e Enori na coligação entre PT e PSD em Anita Garibaldi

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *