Política

Lucas Neves a prefeito e sem Plano B

PRÉ-CANDIDATO NÃO TRABALHA COM HIPÓTESE DE SER VICE

Porque algum setor ou outro da imprensa ventila hipótese de que Lucas Neves (PSL) pode integrar uma composição majoritária, sendo o vice da deputada Carmen Zanotto (Cidadania), o vereador tem reiterado que tal suposições tentam desagregar ou desestabilizar o grupo. Mas não haveria qualquer possibilidade de ele disputar a eleição como vice. O projeto é a prefeito.

REUNIÃO DO PSL

O PSL realizou reunião prévia de definição da pauta da convenção. Porque não está esperando por decisão de outros partidos, o PSL faz a convenção virtual, atendendo a legislação eleitoral, na terça-feira, dia 15, às 20h30min. Ali a ideia é homologar Lucas Neves candidato a prefeito. Nessa conversa de ontem (dia 10) ficou definida a prioridade ao Podemos para indicar o vice do candidato do PSL.

PREFEITO E NÃO VICE

A reunião da quinta-feira, 10, serviu para deixar bem clara a posição de Lucas Neves em relação à disputa. “Caso, eventualmente, por interferência local ou estadual, o PSL optar em indicar um vice para outra chapa, que definam um nome que não seja o meu”, aponta o pré-candidato do PSL. “Estou à disposição para concorrer a prefeito, mas não serei candidato a vice de ninguém, embora respeite imensamente essa função. Seguirei fiel ao projeto inicial, de ser uma oportunidade para oferecer uma alternativa para Lages”, deixa claro Lucas Neves.

Lucas Neves num posicionamento para afastar qualquer suposição que tente desestabilizar o grupo: Ele concorrerá, se o PSL referendar, a prefeito e não existe hipótese de disputar como vice.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *