Política Serra SC

CBS: Candidato a prefeito e vice impugnados

FIRMINO E MAX TENTARÃO REVERTER NO TRE/SC

Por razões diferentes, os integrantes da coligação Campo Belo de Volta ao Progresso estão, temporariamente, fora do páreo, na disputa deste ano. Primeiro foi o indeferimento da candidatura de Max Branco de Moraes, que concorre a vice pelo PSDB. A decisão do Juiz José Antônio Varaschin Chedid atendeu pedido do Ministério Público Eleitoral. Na boca da noite da segunda-feira, 19, veio a sentença do mesmo magistrado, titular da 52.ª Zona Eleitoral, indeferindo (também a pedido do MPE e ainda do advogado Renan Amarante representando o PSL) a candidatura do candidato a prefeito Firmino Aderbal Chaves Branco.

POSICIONAMENTO FIRMINO

Firmino Branco, antes da sentença e quando da ação do MPE pedindo sua impugnação, havia nos dito que estava tranquilo, visto que as mesmas situações e circunstâncias que levaram a Promotoria a pedir o indeferimento de sua candidatura, foram abordadas na eleição de 2016. E lá houve decisão pelo deferimento. Daí a crença de que isso se repete e ele será liberado para a disputa.

POSICIONAMENTO MAX

Max Branco de Moraes, que concorre como vice (e está impugnado), observa que a razão da impugnação foi o fato dele ter votado, juntamente com os outros oito vereadores por um reajuste em 2006, quando era integrante do legislativo. Seu advogado, Everton Cardoso, informou-nos que baseou a defesa de Max em argumentos semelhantes àqueles que liberaram Polaco (candidato a vereador em Lages) para a disputa.

Campo Belo do Sul tem quatro chapas, mas uma delas precisa superar a impugnação deferida pela Justiça Eleitoral em recurso no TRE/SC

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *