Serra SC

Parque Nacional na pauta em Urubici

Um decreto no ano de 1961 criou o Parque Nacional de São Joaquim numa área de 49 mil hectares englobando áreas em Urubici e Bom Jardim. Há dois anos foi aprovada lei que definiu limites do referido parque. Porém, tal norma acabou incluindo dentro das confrontações da área protegida propriedades que estão em plena atividade, como pomares produzindo, fazendas com criação de gado e atividades turísticas. E o parque abrangendo tanto espaço seria um limitador da atividade econômica. Daí um propósito de reduzir a área para 39 mil hectares.

Esse mapa do ICMbio – Instituto Chico Mendes – dá uma ideia (em amarelo) de como ficaria a nova delimitação do espaço protegido, cuja denominação é para ser Parque Nacional da Serra Catarinense.

AGENDA DESTA SEXTA-FEIRA

Uma audiência está programada para esta sexta-feira, 29, em Urubici. Na pauta a nova denominação do parque e também alteração do traçado, conforme o Projeto de Lei 10.082/2018. A partir das 14 horas no Salão da Igreja Matriz, o assunto irá para uma mesa redonda. Deputado Colatto foi o proponente da discussão. Vereador João Cristiano (PT) considera oportuno e necessário o debate. “Esta nova demarcação exclui propriedades produtivas e libera áreas que já têm licença ambiental e projetos de empreendimentos de energia eólica e de turismo aprovados”, confirma o vereador de Bom Jardim da Serra.

Vereador João Cristiano, aqui numa reunião com a deputada Carmen Zanotto e a articulação pelo debate relacionado à redemarcação da área do parque nacional

O recado deixa claro o apoio dos municípios na Serra Catarinense e do Sul do Estado para a redução da área do parque, tornando menos engessada a exploração da atividade econômica em parte do espaço delimitado como parque

Há vários tipos de manifestações em defesa da nova demarcação, para permitir a atividade econômica em áreas que se tornam intocáveis pela existência do Parque Nacional

DE QUE ÁREA ESTAMOS FALANDO?

Para se ter ideia do tamanho dessa área que se constitui o Parque Nacional de São Joaquim, a área agricultável e produtiva de lavouras em Campos Novos totaliza 22.000 hectares. O parque em debate possui uma área de 49.000 hectares. Significa, portanto, mais que o dobro da área de lavouras de Campos Novos.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *