Serra SC

TCE/SC: Anita e Otacílio caem na malha fina

Tribunal de Contas de Santa Catarina concluiu a análise da prestação de contas das prefeituras do ano de 2018. Os conselheiros analisaram juntamente com as equipes técnicas as informações e dados sobre verbas aplicadas e destinações orçamentárias. Dos 295 municípios catarinenses, 280 ‘passaram de ano’. Porém, 15 deles tiveram inconformidades suficientes para a recomendação pela rejeição.

DOIS NA SERRA

Entre esses 15 municípios catarinenses cuja prestação de contas bateu na trave, dois deles são da Serra Catarinense: Otacílio Costa e Anita Garibaldi. O passado seguinte desse trâmite é o encaminhamento das contas com o parecer pela rejeição às Câmaras Municipais. Caberá aos vereadores o chamado ‘julgamento político’ das contas. E é deles a decisão final. Podem votar por manter o parecer ou derrubar o parecer e aprovar as contas.

SIGNIFICA QUE…

Em tese o prefeito Luiz Carlos Xavier (Tio Ligas) não deve ter maiores dificuldades para reverter na Câmara o parecer pela rejeição do TCE/SC. Ele tem maioria no legislativo. E mesmo não revertendo, como está em segundo mandato, isso não atrapalha suas pretensões políticas para 2020. O mesmo não pode ser dito de João Cidinei da Silva (PL) de Anita Garibaldi. Ele não tem maioria na Câmara e é pré-candidato à reeleição. Candidatura com contas rejeitadas pode dar problemas.

Otacílio Costa é um dos dois municípios na Serra Catarinense com recomendação pela rejeição das contas de 2018

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *